MATÉRIAS

quinta-feira, 7 de julho de 2016


Fatima Ziegler - Há 28 anos no mercado

UM SOPRO NO AR.

O que é a organização de um Casamento?

O que é produzir um belo Casamento?


É pensar sobre o envolvimento do perfeito ou é executar o passo-a-passo dentro do total desconhecimento sobre o assunto?

É interessante criar um modismo americano dentro da nossa cultura?

Será melhor excluir totalmente a modernidade Europeia, já que não é interessante (para algumas pessoas) colocar em prática as virtudes do bom gosto?

Por que não?

Por que sim?

Quando falo em qualidade não deixo de envolver:

A elegância.

O absurdo.

A falta de sensatez.

O bom gosto.

A sensibilidade.

O péssimo gosto.

Os acertos.

Os erros.

O desconhecimento.

O conhecimento.

A paixão.

O sucesso.

Ficaria um ano falando sobre tudo que é identificado em um evento de Casamento.

Falo sobre Casamento por ter me fascinado durante todos esses anos.

Hoje é mais difícil fazer o cliente compreender o que é adequado para o Casamento ou o melhor é aguardar o comando deles?

E por outro lado, é importante ressaltar que o cliente já vem com um mapa pronto com tudo o que ele deseja que aconteça no grande dia: Cachorro entrando pela nave, carrinhos motorizados trazendo crianças de 01 aninho para a cerimônia, placas pedindo para que o Noivo fuja enquanto é tempo, drone sobrevoando o recinto, bolas, pétalas, fogos, arroz para a saída dos Noivos, lenços de alegria para que os convidados chorem de emoção, sola do sapato do Noivo pedindo socorro, entre diversos outros itens criativos e surpreendentes.

O cliente quer?

Tem de se fazer, afinal, o cliente é o dono do evento.

Como podemos questionar uma situação como essa?

Como fica difícil explicar o que é certo ou errado para um mercado de tantos profissionais envolvidos.

Assim como envolvidos estão jovens talentos, afobados para fazerem tudo acontecer de qualquer maneira, e com a mesma velocidade desejar que tudo termine o quanto antes para que venha o próximo evento.

Mas como pode ser importante desejarem-se diversos eventos se o valor cobrado é tão baixo?

Fico incrédula ao saber que, para algumas pessoas, o valor dos nossos brilhantes serviços está valendo apenas trezentos reais.

Você acha um absurdo?

Então pense em modificar essa história.

Receio que o nosso ofício seja contado pelos nossos netos como uma profissão que um dia existiu, mas que desapareceu como fumaça.

Fatima Ziegler.
Professora de Cerimonial Social.
Professora de Etiqueta e Postura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário