MATÉRIAS

quarta-feira, 24 de junho de 2015



Blogueira?

Ó DÚVIDA CRUEL!

Após assistir a um vídeo, fiquei surpresa e comecei a me questionar: Como uma blogueira pode ter certeza de tantas coisas do mundo Casamenteiro, e pode dar tanta orientação, opinião e sugestão sobre casamentos, se jamais fez algum?


Blogueira: É uma pessoa que usa um espaço para fazer comentários e ter como apreciadores diversos leitores que acreditam em tudo, como se aquilo fosse um verdadeiro milagre ou uma oração de fé.

A teoria copilada através do Google poderá levar alguém a arbitrar sólidos conhecimentos?

Nós, Cerimonialistas, que trabalhamos durante tantos anos, ainda não temos o domínio da situação.

Nesse vídeo comprovei a fraqueza da pessoa a respeito do assunto, pois ela não sabia nem explicar quem foi a pioneira do cerimonial de casamentos, dando esse título a outra pessoa.

Irei colaborar um pouquinho com essa informação: A precursora dos Casamentos foi a renomada Senhora e Cerimonialista Helena Brito Cunha.

Amaria ver essa blogueira enfrentando uma cerimônia de casamento, usando como ferramenta apenas a teoria do seu blog.

Ter uma razoável redação e ficar atrás de um teclado é muito fácil, o difícil é encarar o evento.

Podem reparar em minhas palavras que esse vídeo me deixou bem desapontada.

Peço licença a todos vocês para ir um pouco mais além.

Não é apropriado ser deselegante ao ponto de dar referências sobre: tendências, trajes, luzes, som, gastronomia, brindes, conceito sobre cores de flores, entre outros assuntos, quando você está longe dessa bossa.

Não é justo confundir a cabecinha das Noivas.

Fica a dica.

Fatima Ziegler
Cerimonialista.

21 - 22342943 / 987263276




sábado, 20 de junho de 2015



SENHORAS DAS IGREJAS


Na realidade, sabe-se que essa capacidade não é inata.

O que significa que não adianta dar à certa pessoa o dever para executar uma tarefa se ela não está treinada para isso.

Existe uma estimativa que mais de 40% das Igrejas Católicas do nosso país não se importam quando determinam que apenas uma pessoa indicada por eles seja a única responsável pelas Cerimônias de Casamentos.

Levando em consideração que essa pessoa já faz parte da listinha da Igreja ou é aquela famosa “Senhora da Igreja”, que não tem a menor sensibilidade com a situação, então vale qualquer coisa.

Quando me refiro à falta de compromisso dessas pessoas, lembro-me de um Casamento em que estive presente como convidada. Exatamente no momento mais emocionante, os clarins, seguidos da Marcha Nupcial, anunciavam a entrada da Noiva. Todos os olhos estavam fixos para a porta da Igreja, e lá estava ela: A SENHORA DA IGREJA.

Decepção para todos.

Vergonha alheia.

Ela estava posicionada exatamente na frente da noiva e do pai.

A SENHORA DA IGREJA empurrava a porta com as duas mãos, para depois deixar a Noiva tentar brilhar, após ser ofuscada por aquela cena patética.

Vocês podem imaginar como essa situação vem causando transtorno.

Não é desagradável apenas para os Noivos, mas para os Assessores e Cerimonialistas que acompanham os clientes por mais de um ano, e exatamente naquele momento mais importante, que é o da cerimônia religiosa, são proibidos de entrarem na Igreja.

É humilhante ouvir o seguinte: “Aqui na Igreja, Cerimonialista de fora não entra. Fique lá na rua. Podem até tirar a Noiva do carro, posicioná-la atrás da porta, mas depois saiam de cena.”

A Igreja não é a casa de Deus? Ou ela mudou de dono?

Tenho algumas dicas para acertar essa situação.

1. Quando os noivos fecharem com aquela Igreja que já tem uma “pessoa”, coloquem em contrato o seguinte: é de conhecimento dos Noivos que a igreja Y já tem cerimonialista. Informamos que não seremos responsáveis pela cerimônia religiosa e que a nossa empresa aguardará a chegada dos Noivos, já posicionados na recepção;

2. Não compareçam na porta da Igreja se não forem fazer a cerimônia religiosa, porque os erros dessa pessoa são inúmeros, e o seu rosto e o seu crachá ficarão na memória dos convidados;

3. Entreguem uma lista para a “SENHORA DA IGREJA”, informando os horários e os locais que ela deverá pegar as flores para as lapelas e o buquê das daminhas. Isso é mais do que justo, ela é responsável pela Igreja e deverá pegar o material que será usado nessa ocasião;

4. Lembrar à ela que na semana do evento deverá ser realizado o ensaio com os Noivos;

5. Caso seja possível, peçam que a Igreja faça uma declaração, informando que não será permitida a presença de vocês no recinto, e os motivos dessa proibição (isso seria o máximo).

Imagino que vocês irão me perguntar qual a providência adequada para poder driblar essa situação constrangedora.

Sinceramente? Eu não sei.

Posso afirmar que, se todas as Igrejas começarem a agir dessa forma, os Noivos serão muito prejudicados com a ausência da beleza, da sensatez, do carinho e do profissionalismo diante da exclusividade da “Senhora da Igreja”.

Ela não tem qualificação para um momento tão sublime e tão importante quanto a cerimônia religiosa.

Eu posso afirmar que ainda não passei por essa proibição.

Sempre tive total liberdade para fazer o meu trabalho em todos os Templos Religiosos, mas ouço as histórias de vocês em cursos por todo o Brasil.

Eu bem sei que essa situação está se agravando.

Amigos, boa sorte.

Com carinho.

Fatima Ziegler
Cerimonialista



quarta-feira, 17 de junho de 2015

ATENÇÃO

 É IMPORTANTE NESSE MOMENTO

O que fazer em um mercado que se mostra assim?


Não me surpreende ver tudo isso acontecendo, quando recebo perguntas da seguinte maneira:

"Sou advogada e adoro festas, bebidas e danças. 
Como faço para ser uma Cerimonialista?" 

Oi !!!!! Como assim?

O que saiu na mídia nos últimos dias:

Cerimonialista no PR foge com todos os presentes dos noivos

Organizadora de casamentos é suspeita de aplicar golpe em noivos.

Garçons deixam festa de casamento, e padrinhos servem convidados no DF.

TJDF bloqueia bens de decorador que deu golpe em noivas.

Acusados de golpes em noivos em MT, decoradora e marido agora estão em SP.

Interpol deve ir atrás de decorador suspeito de aplicar golpes em noivas.

Fotógrafo dá golpe de R$ 100 mil e não aparece em casamentos.

Produtora suspeita de golpe tem dívida com profissionais de Sorocaba.

E agora ? 

Sonhos não voltam atrás, apenas se renovam.

Como varrer os picaretas do mercado brasileiro?

Vamos pensar juntos?

Estarei sempre com vocês.

Fatima Ziegler
Cerimonial

21 - 22342943 / 987263276

segunda-feira, 15 de junho de 2015


SER NOIVA É...

É não acreditar em tudo que informam.

É saber que aquilo que deu certo no casamento da sua amiga, poderá não dar certo no seu.

Analisar o custo X benefício, porque nem sempre o mais barato será excelente.

Desconfiar de grandes promoções.

Compreender que aquelas músicas que você adora dançar nas festinhas da sua família, poderão não funcionar em seu casamento.

Saber que os americanos não ditam moda e nem gastronomia. Repense então nos costumes americanos antes de colocá-los em prática.

O bolo fake muitas vezes é o mesmo valor do bolo verdadeiro, dessa forma, use o bolo verdadeiro para que a tradição seja mantida.

Se os seus padrinhos estiverem usando apenas colete, dispense as flores, porque colete não tem lapela.

Saber que, pelas regras de Etiqueta, após às 18:00h, é indicado usar terno nas cores preto e azul marinho.

Ficar atenta quanto aos trajes no altar: O Noivo usará um belo traje clássico exclusivo. Os pais, pajem e padrinhos usarão outro modelo, sendo que todos ficarão iguais, sem precisar diferenciar os pais dos demais.

O vestido longo é indicado para as Mães e Madrinhas, principalmente para os casamentos após as 18:00h.

Evitar no altar os vestidos nas cores: preto, marfim e floral. Quando cerimônia for dentro de um local religioso, peça que evitem o modelo “tomara que caia”.

Aquele lindo anel que você recebeu ao ser pedida em noivado poderá ser usado no dia do casamento no seu dedo da mão direita. Logo após a troca das alianças, esse anel passará para a mão esquerda e ficará junto com a sua aliança.

Ficam as dicas.

Fatima Ziegler

Cerimonialista

21 - 22342943 / 987263276

#casamentos
#cerimonialista
#noivas




terça-feira, 2 de junho de 2015



CADA NOIVA, UM SONHO MUITO ESPECIAL

CADA EVENTO, UM PROJETO DIFERENTE


Logo que começamos as reuniões para o Casamento de Thaiane Calixto e Glaucio, a Noiva nos passou as expectativas desejadas para o grande dia.


Uma semana após o Casamento, lá estava em 3D, todo o Projeto da Empresa Arquitetando Eventos.

Incrível como o Eric conseguiu, rapidamente, alcançar a sensibilidade da Noiva produzindo as nuances de cores, os tipos de mobiliários, sem deixar de aquecer o ambiente dentro do “composée” (combinação das padronagens, cores e texturas).

Há oito meses que eu guardo esse lindo projeto com muita vontade de mostrar para o mundo, como seria o Casamento deles, mas eu me contive dentro de sete chaves de um cofre, para não deixar escapar nenhum detalhe desse sonho.

No dia 23 de Maio de 2015, sábado passado, tudo saiu do papel para a nossa realidade.

Ali estavam os mobiliários, as cores e as luzes exatamente como eu os vi há oito meses.

Nossa! Chegou o grande dia.

Diante de nossos olhos estava o Projeto da Arquitetando Eventos, transformando o sonho dos noivos em um projeto plenamente realizado.

Escolher parcerias tem que ser dessa forma.

Temos que acreditar quando tomamos uma decisão quanto à qualidade dos produtos, como também, saber quem será capaz de fazer esse ou aquele evento.

Pensar muito bem em qual o profissional que se aproximará mais das características de cada cliente.

Prefiro não acreditar que uma única empresa estará sempre pronta para atender a todos os clientes.

Sei que isso não é possível, pois já passei por essa experiência.

Nesse Casamento contamos com a brilhante Gastronomia assinada pela talentosa profissional Eliane Leal Gastronomia

Som do querido Jr Morenno.

Duas excelentes equipes para registrar esse momento:

Fotografia e Filmagem Cavaliere Photos
Fotografia e Filmagem Kelly Fontes Fotógrafa

Cerimonial:
Fabiano Fantin (Cerimonialista em Campinas – SP)

Só tenho a agradecer a Deus por mais esse sucesso alcançado, pois ele bem sabe como eu desejo que tudo saia perfeito, e o quanto eu traço cada detalhe, milimetricamente, para não falhar.

Agradeço aos profissionais que fizeram parte desse sonho, seja nos bastidores ou diante de todas as pessoas.

Arquitetando Eventos – Eric Fonseca – sabe o quanto admiro o seu trabalho e o quanto sou grata pela qualidade apresentada.

Parabéns para todos nós!

Fatima Ziegler
Cerimonialista