MATÉRIAS

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Feliz eu estou e feliz eu sempre serei.

Dormi e sonhei que a vida era só alegria, despertei e vi que era também felicidade.

Quando comprovei que eu vivo intensamente essa realidade, pude constatar o quanto sou feliz por viver o meu dia a dia com muito amor e concretas realizações.

Elas passam pela minha mente, se mostram nos riscos de um papel e se concretizam oficialmente diante do meu ofício.

A alegria da alma constitui nos belos dias da vida, seja qual for a época e qual for a sua opção, desde que o meu ser se encontre com o meu saber.

Não há satisfação maior do que aquela que sentimos quando proporcionamos alegria aos outros.

Em toda minha vida profissional, jamais acreditei em estrelismo.

Não existe mérito em um só indivíduo.

Sempre trabalhei em equipe.

E se hoje sou reconhecida pelo meu trabalho, é por ter sabido despertar em meus colaboradores e em meus parceiros o pleno uso de suas qualidades.

A minha Estrada é repleta de queridos alunos em busca do conhecimento, da técnica, do amor e da sensibilidade acima de tudo.

Tenho a honra de mostrar para cada um que o AMOR e a EMOÇÃO estão unidos em nossas profissões, sem eles não alcançaremos o sucesso.

É uma verdadeira vitória.

Professora de Cerimonial Social
Professora e Consultora de Etiqueta e Postura.
21 - 22342943 / 987263276


sexta-feira, 2 de dezembro de 2016


Cerimonial ao lado da emoção

O casamento é, talvez, o evento social mais importante na vida das pessoas que optam por esse compromisso e por ser uma ocasião especial, os preparativos são organizados com muito carinho e cautela, para que tudo saia como o esperado.

Todos os casais desejam que a festa de casamento seja um sucesso e que os convidados possam guardar apenas boas lembranças desse dia memorável.

Diante da realização de um grande sonho, a presença do Cerimonial Social será fundamental e, para que seja realmente a realização de um sonho, o Cerimonial deverá ter talento e saber trabalhar dentro do Protocolo e dos verdadeiros Rituais Religiosos, compreendendo e transmitindo o passo a passo das verdadeiras emoções.

Como eu sempre caminho ao lado da sensibilidade e o casamento é a moldura para tantos nobres e verdadeiros sentimentos, falaremos agora sobre o momento em que a Noiva vem no carro com o seu Pai.

Nossa! É uma emoção forte demais. Parece que passa um filme naquele momento. O coração acelera, o pai olha nos olhos daquela menina que cresceu tão rápido, deseja falar tantas coisas, mas a voz não sai.

Não é necessário transmitir com a voz, porque os olhos falarão fortemente: “Filha, siga agora o seu caminho ao lado do homem que você escolheu para amar e seja muito feliz”.

O carro segue lentamente em direção à cerimônia religiosa e lá estará o Cerimonial ou a Assessora/Assessor aguardando para recebê-la, sempre com um sorriso sincero emoldurando o rosto e com as palavras chaves na ponta da língua:

“Tudo bem? Você está pronta? Vamos começar?”.

Vestido ajeitado.

Buquê posicionado.

Olhos lacrimejando e, daí, o último olhar de solteira para o Pai, quando, de repente, surgem às palavras mágicas:

“Obrigada meu Pai, eu te amo”.

Vocês Noivas vivem a emoção do dia, no entanto, a/o Cerimonialista e Assessora do seu Casamento se envolvem e participam ativamente de toda essa atmosfera que envolve o mais nobre dos sentimentos.

Contrate uma Assessoria/Cerimonialista de Casamento para que o dia mais importante de sua vida seja repleto de sucesso.

Com carinho.

Professora de Cerimonial Social.
21 - 22342943 / 987263276

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

A DIFERENÇA DO FOTÓGRAFO
 PARA O CINEGRAFISTA

Pediram muito que eu escrevesse sobre um assunto que está chateando extremamente (não é pouco) os profissionais de Casamento.

Os Cerimonialistas estão dando inicio ao cortejo de Casamento sem avisar aos fotógrafos e aos cinegrafistas.


Eu sempre soube que alguns profissionais se acham superiores e que costumam agir com uma arrogância sem limite. O que não é interessante, até porque, somos uma única equipe.

É uma infeliz decisão esquecer que trabalhamos em harmonia, temos que manter o respeito com os demais profissionais envolvidos no evento, mesmo que não sejam aqueles com os quais você adora trabalhar, pois o respeito fará parte do sucesso do seu trabalho.

Comentarei sobre uma situação delicada que vem acontecendo nesses últimos meses, certamente pela falta de atenção dos Cerimonialistas que, quando iniciam o cortejo, não se dão conta de que o fotógrafo ainda se encontra lá fora fotografando a noiva no carro com o Pai.

Vocês acreditam que isso vem acontecendo com freqüência?

Imagino que vocês desejam perguntar: E aí, o que aconteceu?

Eles perderam as entradas e não registraram o cortejo dos padrinhos.

Quando o fotografo se deu conta da situação e perguntou qual foi o motivo de não ter sido avisado, recebeu como resposta: Ah, eu achava que o cinegrafista fosse o fotografo.

Oi ???

Vamos respirar profundamente antes de começar uma Cerimônia de Casamento e avisar para:

Fotógrafo
Cinegrafista
Coral
Celebrante
Recepcionistas

A cerimônia religiosa é um momento de extrema concentração e que não tem como “rebobinar” os movimentos e os momentos mais emocionantes.

Pense bem no ofício que você está exercendo.

Pense bem o quanto você é responsável pelo emocional de todos.

Pense bem na responsabilidade assumida, sem ter o devido conhecimento.

Pense bem que o seu sucesso será informado para todos assim como o seu erro.

Cerimonialista não é um brinquedo para fazer fila.

Desejo, de coração, que isso sirva de alerta para que não vire um hábito: as falhas de comunicação.

Com carinho.

Professora de Cerimonial Social.
Professora de Protocolo, Etiqueta e Postura.
Ama o Cerimonial.
21 - 22342943 / 987263276



terça-feira, 22 de novembro de 2016

UM MERCADO SEM HORIZONTE


A cada Curso ouço relatos sobre um trabalho sem horizonte.

Tenho visto olhares sem brilho. 

Sempre achei que o horizonte estava nos olhos e não na realidade.

Hoje posso afirmar que os olhos não alcançam mais o horizonte.

Um caminho que está difícil de ser acertado por mérito.

Converso com todas as turmas para saber a respeito da realidade financeira de cada região do nosso país, principalmente, sobre os honorários recebidos para os serviços prestados.

A resposta é sempre a mesma: “Estamos vivendo um momento de desvalorização profissional, diante das pessoas que estão entrando no mercado para fazer um bico”.

E a surpresa maior é saber que esse bico está custando muito pouco.

Os alunos comentam que não conseguem mais receber um valor digno pelos serviços prestados.

Fiquei surpresa com a falta de ética ao saber que, todas as propostas passam pelas mãos de diversos concorrentes, que oferecem cada vez menos, para pegar os serviços.

Concorrentes sim, mas parceiros jamais serão. 

Vivemos sob o mesmo céu, mas nem todos teremos o mesmo horizonte...

Perplexa.

Surpresa.

Assustada.

Não é justo ver profissionais capacitados lutando para receber tão pouco e sem conseguir.

Triste também é vê-los driblar a falta de qualidade de um mercado tão “sujo”.

Não pensem que estou falando de política. Não é nada disso. Estou me referindo aos clientes que estão fazendo escolhas erradas, visando apenas os baixos custos e que, em troca, estão recebendo péssimos serviços.

Será que um sonho está custando tão pouco?

Às vezes construímos sonhos em cima de grandes pessoas... O tempo passa e descobrimos que grandes eram os sonhos e as pessoas eram pequenas demais para torná-los reais!

Sempre estarei ao lado de vocês.

Farei o que estiver ao meu alcance para reverter tudo isso. Incentivá-los. Orientá-los.

Não quero sentir a falta da luta por um dia melhor.

Desejo que lutem por tudo aquilo que vocês amam fazer. 

O melhor da vida é fazer o que se ama.

Não desistam!

Nascemos para vencer.

Eu adoro esse pensamento: “A felicidade é igual a uma borboleta, quanto mais você corre atrás mais ela se afasta. Daí um dia você se distraí e ela pousa no seu ombro.”

Fatima Ziegler

Professora de Cerimonial Social

Professora de Etiqueta e Postura

Defensora do Cerimonial Social.
21 - 22342943 / 987263276


domingo, 20 de novembro de 2016

PADRES - Atenção.


Essa é uma mensagem para todos os Padres que estão proibindo o trabalho dos Cerimonialistas dentro da Igreja.

Concordo que essa proibição deverá existir para todos aqueles que não conhecem os Rituais Religiosos ou para todos aqueles que não se comportam de forma adequada (palavras, atitudes ou trajes) dentro de um Templo Religioso.

Para que isso aconteça respeitosamente, deverá haver uma conversa contendo regras e, tenha a certeza, de que será corretamente bem-vinda, mas colocar o profissional na calçada, não permitindo que ele adentre ao Templo, isso não é justo e tão pouco é uma atitude de um Religioso.

Todos temos superiores e devemos respeito a eles, principalmente no seguimento das Regras Oficiais do nosso ofício.

Aproveito essa oportunidade, para repassar algumas palavras do seu Superior Papa Francisco, para que haja uma reflexão em seu coração e, sinceramente, espero que compreenda o que ele quis falar ao seu ouvido.

PAPA FRANCISCO ENCERRA O JUBILEU COM A SEGUINTE MENSAGEM:

"A porta da misericórdia estará sempre aberta".

Papa Francisco disse que "muitos peregrinos atravessaram as Portas Santas e, longe do fragor dos noticiários, saborearam a grande bondade do Senhor”.

Embora se feche a Porta Santa, ELA CONTINUARÁ sempre ESCANCARADA PARA NÓS RELIGIOSOS que respeitamos todos os passos dos Rituais Religiosos.

O Santo Padre (PAPA) convidou a todos a graça de "NÃO FECHAR JAMAIS as portas da reconciliação e do perdão, mas saber ultrapassar o mal e as divergências, abrindo todas as vias possíveis de esperança".

Vamos repensar nas atitudes?

Defensora dos Direitos do Cerimonial Social
Professora de Etiqueta e Postura
Professora de Cerimonial Social

x

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

DESABAFO NECESSÁRIO

Vamos falar de trabalho.

Vamos falar claramente de Cursos e sub-Cursos.

Se vocês se propõem a dar aulas, tenham base para que isso seja realizado com segurança. 

E, para que isso aconteça, tenham, primeiramente, pleno conhecimento sobre o assunto.

Não se arrisquem a fazer o que não sabem, apenas porque precisam de dinheiro. 

Não é justo deixarem centenas de profissionais sem a menor base de conhecimentos.

Acima de tudo, jamais usem o material dos verdadeiros Professores como sendo seus, isso é um um enorme risco para a sua carreira e para a sua falta de Ética.

Não queiram abraçar o mundo fazendo do "alfinete ao foguete" sem ao menos, saberem fazer o trivial (um trabalho sem a menor qualidade).

Tenho realizado muitos trabalhos pelo nosso País e também fora dele, e posso afirmar que jamais deixei alunos sem respostas, pois eu domino plenamente tudo aquilo que me proponho a realizar.

Não consigo ver alunos que participaram de diversos cursos e que continuaram sem rumo. Sem saberem o que fazer. Sem saberem em que momento eles se perderam.

No momento que eu sinto isso em sala de aula, e vendo que eles não se perderam, sabendo que eles simplesmente foram enganados, eu imediatamente tento ajudá-los ao máximo em sala, e também após as aulas.

Isso NÃO pode mais continuar.

Repensem nessas pessoas que desejam fazer o melhor no mercado.

São Profissionais queridos que desejam ter o retorno em cima dos valores pagos, pois eles acreditavam em vocês.

Peço desculpas pelo meu desabafo, mas é necessário para que VOCÊS, repensem no que estão fazendo e estudem mais para poderem ensinar.

Qualquer coisa é o mesmo que ZERO.

Não brinquem com o ser humano !

Fatima Ziegler.
Professora de Etiqueta e Postura.
Professora de Cerimonial Social.
21 - 22342943 / 987263276

domingo, 6 de novembro de 2016


Um costume nada elegante:

Segundo o Feng Shui, esse gesto é bem negativo. 

Existe até um antigo provérbio chinês que diz:

“A bolsa no chão é dinheiro fora da porta”.
Nem precisa se preocupar tanto com a elegância das pernas, quando a deselegância com a bolsa, sendo colocada no chão,
é acentuada.

Professora de Etiqueta e Postura.
21 22342943 / 987263276